10 de mar de 2011

Charlie St. Cloud

A Morte e Vida de Charlie
Ano: 2011
Com quem? Zac Efron (17 Outra Vez), Amanda Crew (Premonição 3) e Charlie Tahan (Noites de Tormenta).
Avaliação: (3/5)

"Deve ser coisa de hater".
Foi isso que o Vinnie me disse quando comentei com ele que queria assistir Charlie St. Cloud mas tinha lido um monte de críticas dizendo que era ridículo assistir o Zac Efron tentando fazer um personagem sério.
E agora eu não quero pagar de fãzoca nem nada, mas acho que o Zac está se tornando um puta ator! Em Charlie St. Cloud, Zac vive o papel do próprio Charlie, rs, um jovem de tinha acabado de se formar no Ensino Médio quando Sam, seu irmão mais novo, morre em um acidente de carro. Charlie então desiste de uma bolsa na universidade de Stanford e abre mão do seu futuro para trabalhar no cemitério e, de certa forma, estar mais perto do irmão.

Deu pra perceber que é um filme cheio de drama, né? Uma história que fala sobre lembranças, sobre a seguir em frente, sobre arriscar. É um filme bonito, não tem como negar. E, envolto a toda essa tristeza, Zac Efron mostra que não serve só para cantar, dançar e fazer filmes adolescentes. O rosto bonitinho de Zac conseguiu tomar muitas expressões diferentes em Charlie St. Cloud. Alegria, raiva, desespero, paixão.

Mas em alguns momentos essa coisa do rosto bonitinho chega a irritar. Charlie está desolado com a perda do irmão, não tem mais amigos, mora numa cabana próxima ao cemitério e não tem mais motivação pra viver. Porém a barba tá sempre feita, e o topete sempre arrumado. Acho que deveriam ter deixado o Zac mais.. "largadinho", sei lá. Ele não precisava ser tão galã. Não dessa vez. E foi por isso que não dei 4 estrelas! rs

Mas o filme é bom. O roteiro é bem amarradinho, com algumas surpresas (pelo menos pra mim). Daqueles filmes pra assistir com a família, ou com as amigas na casa da prima, sabe? Todo mundo vai gostar!

Love. Live. Let go.

8 comentários:

  1. eu tava mesmo pensando em assistir, mas nem vou mais ._.

    http://aquelavadiamagra.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. desculpa, mas zac efron não serve pra fazer drama.

    ResponderExcluir
  3. Acho que concordo com o 'anônimo'. O Zac sempre parece fraco nas coisas que faz... acho que ele deveria virar modelo, no gênero SÓ MODELO, porque cada trabalho que ele faz que envolve um pingo de atuação... eu fico sempre achando que foi ruim. Talvez seja preconceito com o Efron ou sei lá o que...

    Quem sabe um dia, Zac. :-(

    ResponderExcluir
  4. desculpa sociedade, mas enquanto o zac efron tiver no elenco, não vou prestar atenção no enredo.

    ResponderExcluir
  5. Hum, acho que o Efron é igual o Robert Pattison - são atores fracos, mas que aos poucos tão evoluindo, e quem sabe no futuro não sejam uns putos duns atores dramáticos.
    Por que um de vocês não vê Burlesque e comenta aqui? Já assisti (achei um saco) e vi críticas em 321 sites, mas queria ver uma de vocês haha
    Beijão!

    ResponderExcluir
  6. Oi Anônimo (ou anônima, rs)
    Não quero ver Burlesque porque morro de preguiça da Christina Aguilera. Passo essa pro Vinnie ou pro Kabe HAHA.

    Continue de olho no blog, beijos :*

    ResponderExcluir
  7. Eu quero ver Burlesque sim! Podexá! \o/

    ResponderExcluir