18 de jan de 2012

Burn After Reading

Queime Depois de Ler
Ano: 2008
Com quem? George Clooney (Tudo pelo Poder), Frances McDormand (Quase Famosos), Brad Pitt (Clube da Luta), John Malkovich (Quero ser John Malkovich), Tilda Swinton (Precisamos Falar Sobre Kevin), Richard Jenkins (Amizade Colorida), J.K. Simmons (Eu Te Amo Cara).


É sobre o quê?
O analista Osborne Cox acaba de perder o seu emprego na CIA. Frustrado com a vida e com sua mulher, ele decide escrever as suas memórias de vida (na qual há alguns segredos). Porém, numa série de aleatoriedades, este arquivo cai nas mãos de Linda e Chad, dois funcionários de uma academia de ginástica.

Para descolar uma graninha, a dupla decide devolver o arquivo em troca de 50 mil dólares... só que as coisas parecem não dar muito certo, rs.

Eu gostei de:
O roteiro, no fundo, é bem simples... mas há muitas histórias paralelas que se entrelaçam de uma maneira bizarra e divertida. São muitas situações aleatórias que deixam a gente pensando: "what.. the.. fuck..". Nada parece dar certo e muitas coisas são imprevisíveis, dá até pra tentar adivinhar os eventos... mas seremos surpreendidos de novo por alguma situação cômica e desastrosa.

Tem vários personagens excêntricos e todos são engraçados de uma maneira diferente. A Tilda Swinton super amarga, o George Clooney safadão e o Malkovich completamente insano... Mas, pra mim, os mais legais foram:

Esta linda aqui que, em 5 minutos, faz a gente se apaixonar por ela:

você está no eHarmony?

E o Brad Pitt também... fazendo o loirão burro e companheiro (nunca tinha visto ele fazer um personagem tão stupidelicious como este, gostei bastante). Além disso, por mais que o filme não pareça ser muito marcante, acho que ele fica na cabeça de quem assiste.

Eu não curti:
Achei algumas coisas aleatórias demais (claro, que muito da graça está nisso). Mas às vezes a gente não tem muita noção do que diabos estamos assistindo e algumas coisas parecem meio perdidas (principalmente porque tem vários personagens) e pode ficar meio entendiante. Por mim, algumas coisas poderiam ser um pouco mais desenvolvidas... principalmente o fim do filme.

Ah, quem eu to querendo enganar? O final é demais, meu deus... morri de rir nos últimos 3 minutos.

E vale a pena?
Vale! Quer dizer... pode valer! Tudo depende do seu gosto para filmes e do tipo de humor que te faz rir. Honestamente, qualquer tipo de humor me faz rir se a história e a piada são bem contadas. Se você não percebe a graça na ironia das coisas e precisa de piadas de ~mão beijada~ (alguém me explica esta expressão?), é bem possível que você não curta este filme, porque as coisas genuinamente engraçadas para mim, são justamente as coisas que eu vi reclamarem no Filmow.

Você vai gostar se...
Gosta de personagens carismáticos e forever alone... neste filme tem bastante. Se você gosta de comédias que te deixam sorrindo o tempo todo, mas sem te matar de gargalhar (tipo Carnage), é bem possível que goste desta delícia aqui. Pode gostar também se você se interessa por espiões, tiros, traição e pessoas desafiando a CIA por motivos imbecis.


Em um gif clássico



4 comentários:

  1. Tem muita gente que odeia, né? Eu mesmo não sou muito fã, mas estranhamente, acho um bom filme. O tom sarcástico é demais e Pitt está mesmo sensacional.

    Enfim, estou com ele em mãos. Vou rever esses por esses dias...

    Abs,
    aqueleamordecinema.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Nossa, achei uma merda. E a personagem da Frances McDormand me irritou de tão chata

    ResponderExcluir
  3. Foi exatamente por isso que eu gostei dela. Neurótica, irritante...

    Por isso foi indicada pro globo de ouro s2s2 rs

    ResponderExcluir
  4. quando comecei a ver pela primeira vez fiquei meio sem saber o que pensar ou entender.. larguei pela metade... mas aí quando vi pela segunda vez, morri de amores.. entrou pros meus favoritos.. é um tapa atrás do outro.. o que foi a cena do armário???? caí de amores ali..

    ResponderExcluir