21 de mai de 2012

Fargo

Fargo - Uma Comédia de Erros
Ano: 1996
Com quem? Frances McDormand (Queime Depois de Ler), William H. Macy (Magnólia), Steve Buscemi (Cães de Aluguel), Peter Stormare (Dançando no Escuro).

Diretor: Joel Coen (Irmãos Coen)

É sobre o quê?
Jerry Lundegaard é gerente de uma revendedora de carros e está passando por sérios problemas financeiros. Para se livrar dessa situação, ele arquiteta um plano com dois bandidos para que estes sequestrem sua esposa - a ideia é fazer o sogro pagar o resgate. Só que muita coisa sai errada, claro, resultando em alguns assassinatos por aí. Marge é a policial que, mesmo grávida, se responsabiliza por elucidar este caso.


Eu gostei de: 
A melhor coisa de Fargo é sem dúvida a esquisitice do roteiro. É o mesmo estilo de Queime Depois de Ler, em que uma premissa simples sai pela culatra e tudo dá errado gerando uma grande bola de neve! Essa é a graça de Fargo, você fica o tempo todo com um sorriso bobo vendo a desgraça alheia e falando: "puta que pariu". A direção eficaz e "simplona" faz o filme funcionar e não ficar entediante. 

Porém, o melhor de tudo mesmo é a atuação do elenco e sem essa galera o filme seria bem imbecil. Primeiro que os personagens são divertidos por si só. Tem o "mocinho" que só quer se dar bem a qualquer custo, mas ele é muito coitado e só faz merda. Tem a dupla de vilões, que são uns ogros, um é tipo sabichão, que não sabe coisa nenhuma e o outro é um psicopata amargurado rs. E eles tem umas falas muito engraçadas, principalmente o personagem do Buscemi.


E, acima de todos eles, tem ainda essa linda aqui.


Meu, como eu amo essa atriz. A personagem dela é uma policial grávida que vive uma vidinha pacata com o marido. Ela tem as melhores sacadas de detetive (sério, ela é ninja) e investiga todos os acontecimentos enquanto toma café, faz comentários de tia, fofoca cazamiga e come ~por dois~. 

"é que eu só tenho miojo lá em casa... dá licença"

A atuação da Frances McDormand é tão simples que a gente nem percebe que ela tá atuando at all, como se não fosse esforço nenhum. Meu, ela levou o Oscar de Melhor Atriz com este papel e sambou na cara do povo que acha que pra ser reconhecido no cinema você tem que pegar papeis pesados, bizarros ou sofridos. É só saber fazer direito.

Eu não curti:
Acho que o principal problema neste filme é a falta de tensão. Não é uma comédia 100%, pois rola muito tiro, sangue, suspense etc. Mas parece que as cenas que "não são de rir", não geram muita resposta da gente. Ou seja, durante os 90 minutos, a gente varia entre as risadas e... o nada.

A grande culpa disso é que a única personagem por quem a gente se simpatiza (Marge, a policial) fica numa história paralela de toda a merda que acontece, só seguindo os rastros dos criminosos. O resto é tudo meio irrelevante e a gente não tá nem aí se qualquer outro personagem morrer, for pego, explodir... (embora todo mudo nesse filme seja awesome). Então qualquer disparo de arma que ouvimos não gera nenhuma tensão (ou talvez tenham sido os 4 chopps que eu tomei antes de assistir que me deixaram mole rs #confissões #LivroAberto).

E vale a pena?
Sim. Bom, se você já tem alguma familiaridade com os filmes dos irmãos Coen, pode ser que valha. Pra mim valeu, porque eu gosto deste estilo de comédia meio de humor negro, em que as situações fazem a piada. Só que eu sei que muita gente acha Fargo uma bosta, mas eu acredito que sejam aquelas pessoas que preferem comédias mais óbvias, com piadas evidentes (tipo Click - yeah, I said it!).

Você vai gostar se...
Curte filmes com um monte de personagens excêntricos e imprevisíveis. Se gosta de diálogos que são engraçados sem, de fato, rolar piadas prontas... como nos roteiros do Tarantino. Aliás, se vc gosta de Tarantino é bem possível que pegue a vibe de Fargo. Ou se você curtiu Queime Depois de Ler (2004), pq este aqui é beeeem o mesmo estilo. Mas preferi o Queime (kes íntimo, rs).

Em uma dica pros hipsters: Se você vive falando por aí que adora filme cult, não pode esquecer de ver Fargo, não é mesmo gente?




Sobre o Autor:
VinnieVinnie. Eu não tenho filtros e vejo qualquer tipo de coisa. Gosto de drama, ação, terror, comédia e não tenho preconceitos (vou de cult a blockbusters e trashões). Sou fanático por premiações e futilidades de Hollywood. Odeio spoilers mais que tudo. [Perfil completo]

Um comentário:

  1. fiquei com raiva do cara pela sinopse e perdi a vontade de ver ):

    ResponderExcluir